Início > Geral > A falta de ética, a condescendência e a violência silenciosa

A falta de ética, a condescendência e a violência silenciosa


Muito se fala na violência que assola o país, das mazelas que assolam a saúde pública, como também dos problemas na educação. Mas todos esses problemas tem como causador, em grande parte, a falta de compromisso, ética e moral dos nossos representantes. Pois todos os desvios de dinheiro e recursos mal aplicados são verbas que faltam para que se ofereçam serviços de qualidade a população.

O excesso de violência é apenas o reflexo de vários fatores, mas existe um crucial, pois quando nossos políticos, sentados em seus gabinetes, tramam em sigilo suas falcatruas com seus comparsas, não é apenas enriquecimento ilícito que trata-se esse fato, vejam bem, cada centavo roubado do erário é o dinheiro que iria para a educação, e provavelmente permitiria um futuro melhor para um menino pobre que sem perspectiva e preparo para o mercado de trabalho se transforma num assaltante, assassino ou traficante, que consequentemente prejudicará ou tirará a vida de inocentes posteriormente.

É também o dinheiro que iria para a saúde, para diminuir as inúmeras

mortes por falta de um tratamento digno e adequado.

É também o dinheiro que tornaria possível o pagamento de uma aposentadoria mais digna para quem passou toda uma vida trabalhando, diferentemente deles que, na maioria das vezes, se aposentam com apenas alguns anos de “trabalho”.

É também o motivo pelo qual se cobram tantos impostos, pois com toda essa sede, aparentemente inesgotável, por desviar quantias astronômicas do dinheiro público, no qual somos testemunhas diariamente através de jornais, revistas e afins, fica claro que não existe mágica, alguém tem que pagar a conta, e esse alguém chama-se povo. Fica cada vez mais difícil pra classe produtiva desse país carregar esse fardo nas costas.

Poderia aqui enumerar vários exemplos dos reflexos dos desfalques, mas o grande ponto da questão, ou seja, o que é importante perceber aqui é que toda essa desonestidade que está penetrada na administração pública tem consequências muito maiores que apenas o desvio do dinheiro em benefício próprio, elas vão bem além do que a maioria da população enxerga, muito além do horizonte da grande massa. Muitas pessoas morreram, morrem e irão morrer por consequência disso. Um verdadeiro efeito borboleta, pois é certo que nossos políticos, com raras exceções, tem sangue nas mãos, são uma espécie singular de assassinos silenciosos, a violência causada por suas ações irresponsáveis e gananciosas deixam marcas profundas na sociedade, sem ao menos empunhar uma arma ceifam incontáveis vidas a cada ano.

A verdade é que o Rei está nu, e não adianta continuar aceitando essa situação como “normal”, por outro lado, as roupas elegantes que nossos ilustres representantes usam estão moralmente manchadas com a dor e o sofrimento do povo brasileiro, pois nosso maior problema não é financeiro, nosso maior problema é ético e moral.

O Brasil é um país forte, pois tem que ser muito forte pra aguentar tanto e não quebrar, mas essa força vem do povo, daquele que produz, daquele que paga seus impostos e vive em detrimento para uma minoria. É por isso que é preciso controlar a farra com o dinheiro público, na verdade esse deveria ser o crime mais hediondo que se poderia ter previsto numa legislação, pois as consequências são terríveis para a sociedade, é certo que deveriam existir leis mais severas em contrapartida a toda essa impunidade dentro da política. Chega de tanta condescendência, como também chega do pão e circo.

Quando o povo realmente entender que isso é o câncer que assola o país e começar a cobrar as punições que essa corja merece, aí sim, teremos reflexos positivos em todos os setores da sociedade. É certo que isso não é a solução de todos os problemas, mas sem dúvida é a âncora mais pesada a prender essa nação, por isso precisa ser arrancada a todo custo para que o Brasil possa avançar e navegar em águas mais tranquilas.

E, por favor, alguém precisa avisar aos nossos caríssimos representantes que o famoso pensamento de Adam Smith que versa que o interesse individual no fim coincidirá com o interesse geral da sociedade, por essa perspectiva, não se aplica a eles, estão interpretando errado.

Anúncios
Categorias:Geral
  1. Nenhum comentário ainda.
  1. No trackbacks yet.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: